Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Carreira / Emprego - Qualidade de vida traz benefícios para todos  

Data: 14/11/2008

 
 
A busca pela melhoria da qualidade de vida tornou-se uma meta para muitas pessoas, principalmente aquelas que vivem nos grandes centros urbanos e enfrentam diariamente engarrafamentos quilométricos e outros tantos fatores estressantes. Há até quem diga que só em pensar em sair de casa para chegar ao trabalho, participa de uma verdadeira maratona de tanto que se sente desgastado e ao chegar à empresa, vai para o banheiro lavar o rosto, respirar uns cinco minutos, beber um pouco de água e só então consegue dar início às suas atividades. Se isso ocorre diariamente, teoricamente o indivíduo reviverá essa mesma cena, mais de 20 vezes ao mês.

Agora, imagine um cenário totalmente oposto. Uma cidade do interior, onde o clima é super-agradável e, ao chegar ao trabalho, o funcionário depara-se com uma área de 45 mil metros quadrados, com um lago repleto de peixe e um verde de encantar a visão de qualquer um. Essa é a realidade dos funcionários da Ouro Fino – empresa localizada em Cravinhos, no Estado de São Paulo, onde a qualidade de vida é considerada uma prioridade, desde a diretoria até a moça que serve o cafezinho.

A preocupação, com a qualidade de vida das pessoas não é uma ação recente da empresa, muito pelo contrário. De acordo com Ruben Guimarães, diretor de RH, esse é um valor que acompanha a empresa desde a sua fundação. “Há dois anos, quando construímos a fábrica de Cravinhos, que totaliza 125 mil metros quadrados, 45 mil metros foram direcionados para a área social da empresa. Aqui, a qualidade de vida não é uma política estratégica, mas sim um valor que foi incorporado”, explica, ao acrescentar que o reflexo dessa iniciativa se reflete na satisfação dos colaboradores. A Ouro Fino Agronegócio atua desde 1987 na produção e comercialização de produtos farmacêuticos para saúde animal. Possui crescimento acima da média do mercado e é um dos principais exportadores do setor. Conta com cerca de 500 funcionários.

Apesar de ser considerado um valor corporativo, o cuidado com a QVT - Qualidade de Vida no Trabalho – tornou-se um fator que atrai e retém muitos talentos, pois muitos funcionários afirmam que atuam em um verdadeiro oásis. Para se ter uma idéia do motivo dessa “visão”, nos 125 mil metros quadrados encontram-se: um campo de futebol, pista de atletismo, quadras poliesportivas e até academia de ginástica que conta com a presença de um professor de educação física para orientar os colaboradores. Para quem prefere não suar a camisa, não há problema algum. Na área social conta ainda com uma biblioteca com os mais variados títulos, salão de jogos e computadores com acesso à Internet.

Trabalho e lazer juntos – Ao ser indagado sobre a forma como os colaboradores podem usufruir desses atrativos que melhoram a QVT, Ruben Guimarães explica que a área de lazer pode ser usada tanto de dia quanto à noite. Como a academia abre cedo, às 6h, muitos funcionários freqüentam esse espaço antes mesmo de darem início à jornada de trabalho. E quem pensa que a “turma da malhação” passa o dia com aquele “cheirinho” de transpiração no ar, está completamente enganado. Foi justamente pensando nessa possibilidade que a Ouro Fino investiu em uma ótima infra-estrutura que inclui um vestiário, onde as pessoas podem tomar um refrescante banho, trocar de roupa e chegar aos postos de trabalho como se tivessem saído de casa.

“Depois de tomarem banho, muitos seguem direto para o refeitório onde tomam o café da manhã e por volta do meio-dia, reencontram-se para o almoço”, comenta o diretor de RH, ao informar que após almoçarem há pessoas que aproveitam o tempo na área de lazer, para ler um pouco, assistir TV, jogar uma partida de xadrez, enfim, relaxar, e depois voltar ao trabalho. Depois do expediente, à noite, os mais dispostos ainda reservam um tempinho para aproveitar as quadras, onde professores de educação física ministram aulas de tênis, vôlei e basquete. Vale ressaltar que Ruben Guimarães começou recentemente a participar das aulas de tênis. “Sou bom no futebol, mas agora dou as primeiras raquetadas e em breve estarei craque”, confessa com ótimo humor.

Vale destacar que antes de praticar qualquer modalidade esportiva, o funcionário da Ouro Fino realiza um check-up para ver se, de fato, tem condições físicas para participar das aulas que são do seu interesse. Apesar de oferecer uma ótima infra-estrutura para melhorar a QVT, a área de Recursos Humanos da Ouro Fino também estimula os funcionários a aproveitarem o que está ao alcance deles. Para isso, periodicamente são promovidos eventos como gincanas, campeonatos de futebol e pescarias no lago da empresa. “No caso da pescaria promovemos duas vezes por ano e os colaboradores trazem os familiares, tomam café da manhã, almoçam e têm direito a levar os peixes que pescarem. O clima é sempre descontraído para todos”, garante Ruben Guimarães, ao destacar que se algum funcionário quiser pescar durante o final de semana, basta apenas comunicar à área de RH para que o espaço seja reservado e a programação garantida.

Divulgação de eventos – Para manter os funcionários da Ouro Fino sobre tudo o que acontece na área de 45 mil metros quadrados e que efetivamente estimula a qualidade de vida, a área de RH sempre recorre aos canais internos de comunicação para informar os eventos que estão sendo promovidos. “Usamos os murais que ficam localizados em pontos estratégicos da organização, e-mail institucional e o jornal interno para que todos tenham a oportunidade de participar de algum evento ou mesmo aderir a uma modalidade esportiva”, pontua o diretor de RH, ao salientar que hoje a organização conta com funcionários que se destacam no atletismo e em campeonatos oficiais de xadrez. Para estimular essas pessoas a participarem de competições e se aperfeiçoarem na modalidade esportiva, a empresa sempre os apóia de alguma forma. Se, por exemplo, uma disputa oficial acontecer durante a semana, a Ouro Fino dispensa o colaborador sem que aquele dia seja considerado como falta ao trabalho.

Receptividade dos funcionários – Seria até imaturidade imaginar que apenas disponibilizar a área de lazer motivaria os funcionários a freqüentá-la. Para medir o nível de satisfação dos colaboradores em relação às possibilidades de melhoria na QVT, a área de RH está sempre presente, junto aos funcionários. Além de participarem das atividades esportivas como é o caso do próprio Ruben Guimarães, que tem se dedicado ao tênis, é realizada anualmente uma pesquisa de clima organizacional, onde um dos fatores analisados são ações dessa natureza. “A receptividade dos colaboradores tem sido positiva, pois os profissionais sempre estão presentes às atividades, cada um participando de alguma atividade. Além de fazer bem à saúde física e mental, esse espaço ainda influencia a melhoria do clima interno e estimula a integração entre as pessoas, pois eles têm chance de estarem juntos não apenas para falarem sobre trabalho, mas sim para se descontraírem”, finaliza.



 
Referência: rh.com.br
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Carreira / EmpregoDefasagem entre faculdade e mercado de trabalho: como driblar isso?
Carreira / EmpregoMensagem no corpo do e-mail pode influenciar pré-seleção, dizem especialistas
ImóveisCooperativas Habitacionais: Veja a quem e como reclamar
Carreira / EmpregoGestão do seu tempo: Princípio 80/20: que tal utilizá-lo na gestão do seu tempo?
Carreira / EmpregoNetworking: confira a maneira certa de pedir indicação de emprego
Carreira / EmpregoPrimeiro emprego: como encontrar uma vaga sem ter experiência
Investimentos / FundosFundos de ações IBX ou Ibovespa: veja as diferenças e decida em qual aplicar
Currículo (curriculum)Organização no currículo pode render bons frutos
Investimentos / FundosClasses de fundos
Carreira / EmpregoEm tempos de internet, como multiplicar negócios em tempo real?