Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Carreira / Emprego - Trabalhar em ONGs é bom ou ruim para o currículo? Veja opinião de especialista 

Data: 30/07/2008

 
 

Doutora pela Universidade de Montreal e professora da École dês Hautes Études Commerciales (HEC de Montreal), Estelle Morin, é uma das maiores autoridades mundiais, quando o tema é a relação do ser humano com o trabalho. Segundo ela, o trabalho não é apenas uma fonte de dinheiro, mas também deve fazer sentido. Quando isso não acontece, o indivíduo sofre e fica desmotivado.

Tendo isso em mente, imagina-se que trabalhar em ONGs (Organizações não governamentais) seja uma das melhores escolhas ao profissional. Entretanto, essa decisão tem seu lado negativo e positivo, de acordo com a gerente de planejamento de carreira da Manager, Lenyta Diniz.

Prós e contras
Para ela, as empresas enxergam positivamente os profissionais que trabalharam ou trabalham em ONGs, pois isso demonstra comprometimento com a sociedade e facilidade de trabalhar em equipe. "Nas empresas que adotam trabalhos de responsabilidade social, essa experiência é ainda mais valorizada", avisa a especialista.

Apesar de algumas empresas enxergarem com certo preconceito os profissionais que trabalharam em ONGs, justamente por conta de elas não terem fins lucrativos e, portanto, serem menos competitivas, não deveriam ser feitas comparações desse tipo, uma vez que os objetivos de uma ONG e uma companhia privada são completamente diferentes, na opinião da gerente.

Uma desvantagem de trabalhar em ONGs é o salário, de maneira geral mais baixo. Entretanto, na visão de Lenyta, "o trabalho oferece um ganho pessoal que não tem preço". Isso sem falar que é possível aprender muito. Por fim, ela lembra que esse tipo de experiência é sempre válido.

"Eu não diria que essa experiência não conta tanto para o currículo, mas, sim, que pode ser ainda mais relevante na visão de empresas que já adotam políticas de responsabilidade social."



 
Referência: InfoMoney
Autor: Karin Sato
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Carreira / EmpregoNão gosta do emprego, mas não encontra outro? Confira dicas
Empréstimo / FinanciamentoQuer pagar menos juros? Vá a um banco público
LeisLoteamentos: A lei nº 6.766/79 regula apenas loteamentos em áreas urbanas, ou também em áreas rurais?
Currículo (curriculum)Valorize seu currículo com números
Finanças pessoaisPromoção em rede social não fere direito do consumidor, mas é preciso se proteger
Carreira / EmpregoPsicóloga dá dicas práticas de como usar sentimentos a seu favor
Negócios / EmpreendedorismoExpansão de negócios no varejo competitivo
ImóveisTem um imóvel para alugar? Saiba conseguir um inquilino que não lhe dê prejuízos
AposentadoriaO que você deve saber antes de contratar um plano de previdência privada
FilhosEducação Financeira: você pode e deve começar a educá-lo financeiramente.