Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Investimentos / Fundos - Antes de investir, saiba como obter e analisar as informações do mercado 

Data: 25/05/2007

 
 

Saber investir significa escolher a melhor alternativa de aplicação para atingir seus objetivos. Para isso, você deve estar ciente de quais opções de investimento existem no mercado e quais delas se encaixam melhor ao seu perfil. Portanto, o acesso à informação é fundamental.

Em um mercado complexo e dinâmico como o atual, ter acesso e saber interpretar as informações disponíveis pode ser o principal diferencial de um bom investidor. Conhecer bem as alternativas de investimento é um passo muito importante na hora de determinar uma estratégia vencedora.

Onde obter a informação
A preocupação das autoridades e associações, como a CVM (Comissão de Valores Mobiliários) e a Anbid (Associação Nacional dos Bancos de Investimento), por exemplo, e das próprias instituições financeiras que oferecem produtos de investimentos, em oferecer informações mais detalhadas, facilitou a vida dos investidores.

Somado a isso, o avanço da internet também trouxe uma nova dimensão à disponibilização de informações sobre investimentos. Atualmente, é possível encontrar em várias fontes informações detalhadas, passando por conteúdos educacionais, cotações, notícias e análises, de praticamente todas as alternativas de investimento.

Na maior parte dos casos, o que falta é tempo para analisar tanta informação. Porém, como saber em quê está investindo pode fazer toda a diferença. Um aplicador bem-sucedido deve disponibilizar tempo para analisar a informação. Mesmo quem decide por investir indiretamente por meio de fundos de investimentos deve saber escolher bem o gestor, portanto, não há desculpa para não se informar.

O que analisar
Para a maioria das pessoas, a primeira pergunta sobre um investimento é simples e direta: qual a rentabilidade? Saber qual será o retorno da aplicação é importante, mas você deve saber muito mais do que isso. Em geral, são questões relacionadas a risco, liquidez e tributação que causam maiores dores de cabeça aos investidores menos preparados.

Entender bem a relação entre risco e retorno é fundamental, pois é com base nela que você poderá tomar decisões mais fundamentadas, sabendo tomar riscos que não fujam de seu perfil e do que você está disposto a correr.

Como prever rentabilidade e riscos futuros é difícil, tente entender o que ocorreu no passado, que pode dar uma base para você analisar melhor as alternativas disponíveis. Porém nunca se esqueça: rentabilidade passada não garante rentabilidade futura!

Liquidez e tributação
Procure entender bem quais são as condições de liquidez do investimento proposto. Pouco adianta aplicar em uma alternativa de investimento de 12 meses com boa relação entre risco e retorno, se você precisa dos recursos em três meses. Conhecer os termos de perto pode evitar uma perda desnecessária de rentabilidade.

Analise também os custos e impostos que incidem sobre cada alternativa de investimentos. Alguns, como a caderneta de poupança, são isentos, enquanto outros, como boa parte das aplicações de renda fixa, têm alíquotas decrescentes de acordo com o prazo de aplicação. Foque na rentabilidade líquida (excluindo custos e impostos) e evite surpresas desagradáveis na hora de sacar seu dinheiro.

Crie o hábito de pesquisar
Como o mercado de investimentos é muito dinâmico, procure se manter constantemente informado. Muitas vezes a atratividade de uma alternativa de investimento muda do dia para a noite, tanto em função de eventos de mercado como alterações em tributação e legislação. Portanto, vale a pena perder 10 minutos ao dia se informando sobre as novidades do mundo dos investimentos.

Saiba como interpretar informações e "dicas" de terceiros, sempre fazendo uma análise detalhada do que é proposto. Muitas vezes as alternativas de investimento que são adequadas a um poupador não são para outro, de forma que, além de ter posse da informação, você precisa entender como cada aplicação se encaixa aos seu perfil.



 
Referência: Administradores.com.br
Autor: Infomoney
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Carreira / EmpregoComprometimento: ingrediente fundamental para a sua carreira
Empréstimo / FinanciamentoFinanciar compras no banco costuma ser mais barato que na loja
Finanças pessoaisRepública: contas divididas na ponta do lápis!
Carreira / EmpregoPor que os profissionais lotam a agenda, mesmo sem tempo para compromissos?
Banco / Cheque / ContaCheques: veja os cuidados no uso do talão de cheques
Carreira / EmpregoA hora de dar um basta na rotina frenética do trabalho
Carreira / EmpregoSaiba como agir na hora de convidar colegas de trabalho para eventos pessoais
Defenda-seCheque: conheça os seus direitos
Impostos / TributosImposto de renda, como funciona
AposentadoriaO 13º salário entra no cômputo dos rendimentos tributáveis para cálculo do limite de 12% (benefício fiscal no preenchimento da Declaração de IR)?