Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Finanças pessoais - Os 5 maiores erros em finanças pessoais 

Data: 28/11/2011

 
 
Muitas vezes ouço que cometer erro é algo ruim, desagradável e que deve ser evitado. Não concordo que seja algo ruim pois aprendemos com nossos erros e devemos sempre tentar, mesmo que erremos. Entretanto, em finanças pessoais, alguns erros podem se tornar grandes problemas e acabar prejudicando a vida familiar, a vida social e até mesmo sua saúde e de seus entes queridos. Portanto, ter o conhecimento dos maiores erros que podemos cometer em finanças pessoais é uma vacina para que sua vida possa ser bem aproveitada e sem surpresas indesejáveis.

Vou listar aqui o que eu considero como os maiores erros que podem ser cometidos em finanças pessoais:

1. Contar com o dinheiro do mês que vem
Quem já não passou por essa situação? Você compra algo que acha que poderá pagar com o dinheiro que irá receber. Ou seja, compra uma dívida esperando que o dinheiro que virá no mês seguinte conseguirá pagar. Mas e se você for demitido? E se não tiver mais o dinheiro… Fazer dívidas é um vício. Começamos a contrair dívidas logo que temos nosso primeiro emprego e isso se estende por toda a vida. Você acaba ficando refém do “mês que vem”.

2. Não aprender a investir
Ter dinheiro guardado é muito diferente de investir o dinheiro que você economiza. A poupança, por exemplo, é uma forma de conservar o dinheiro que você economiza. Já investir significa fazer o dinheiro que você tem guardado render mais do que renderia na poupança. Investir é montar um negócio próprio, ou comprar e vender ações, ou ainda colocar dinheiro em algum negócio como sócio… Investir é fazer o dinheiro trabalhar para você.

3. Viver no limite da capacidade financeira
Tem muita gente que tem casa grande, carro do ano, mas não tem um real no banco. Tudo está parcelado e o salário do mês consegue pagar todas as dívidas sem nenhuma folga. Essa é uma das situações mais arriscadas pois a qualquer momento um imprevisto pode aparecer, como por exemplo a perda do emprego ou alguma despesa extra como algum parente doente. Sempre deve-se ter uma reserva para emergências e sempre deve-se tentar viver abaixo desse limite financeiro. Exemplo: Se você ganha R$1000,00 por mês não pode morar numa casa que o aluguel seja R$800,00. Desse modo, não sobra dinheiro para mais nada e, com certeza, logo você se encontrará em graves apuros financeiros.

4. Falta de controle
Quanto você gasta todo mês em restaurantes? Quanto você gasta no mês no supermercado? Você sabe exatamente quanto gastou mês passado? E esse mês? Se você não sabe, provavelmente sua vida financeira deve ser desequilibrada. É importantíssimo conhecer para onde o seu dinheiro está indo. É como um encanador que precisa saber onde estão os buracos para que eles possam ser fechados antes que a casa desabe por tanta umidade. Quando eu menciono aqui o controle, ele pode ser simples, através de anotações no papel ou mais elaboradas por meio de planilhas ou ainda fazer esse controle em sites gratuitos. Algum controle é melhor do que nenhum controle.

5. Não ter objetivos financeiros
Assim como é um erro não ter um controle financeiro, também é errado não ter um objetivo claro do que você pretende fazer com o dinheiro. As suas finanças pessoais têm que estar em acordo com seus objetivos de vida pois o dinheiro é apenas uma ferramenta para alcançá-los. Fique atento ao seu dinheiro mas fique mais atento às suas motivações pessoais pois são elas que vão determinar os caminhos do seu dinheiro.

Espero que esses conselhos sejam de alguma forma relevantes para que você tenha uma vida mais saudável. Não se esqueça que o dinheiro não é tudo na vida, mas que precisamos saber lidar com ele para que ele não se transforme em algo ruim.



 
Referência: Yupee
Autor: Ricardo Alamino
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Plano de NegóciosO processo de planejamento estratégico
FilhosFinanças para os filhos: cuidado com as moedas pode ser um bom começo!
Modelos de documentosContrato de pequena empreitada identificação das partes contratantes
Carreira / EmpregoEstressado com seu chefe? Veja como você pode melhorar este convívio
Negócios / EmpreendedorismoRelatório ou relatódio?
FilhosCrianças conhecem o valor do dinheiro e a influência que exercem sobre os pais
Finanças pessoaisVocê sabe qual é o patrimônio esperado para a sua idade?
Negócios / EmpreendedorismoO Melhor Marketing do Mundo!
LeisNovo Código Civil ? Lei nº 10.406 de 10/1/2002 (Parte Geral) »»» Livro II - Dos Bens »»» Título Único - Das Diferentes Classes de Bens
Carreira / EmpregoDo estagiário ao executivo: confira os principais erros de comportamento