Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Ações / Bolsa de Valores - Riscos: Cuidados na escolha da corretora 

Data: 30/05/2007

 
 

Estas são as recomendações feitas pela BOVESPA - Bolsa de Valores de São Paulo.


A escolha do intermediário que irá administrar os recursos do investidor exige muita atenção. É importante que o investidor se certifique de que esse intermediário atende aos requisitos abaixo:

· tradição e solidez da instituição como administradora de recursos,

· idoneidade pessoal do administrador,

· know-how na gestão de recursos, relacionado tanto à capacidade técnica (indicação das melhores alternativas e dos momentos mais adequados para a realização dos negócios) quanto às facilidades de operacionalização oferecidas ao investidor,

· histórico da performance/ rentabilidade proporcionada (embora não constitua garantia de lucratividade futura),

· situação legal regular com autorização de funcionamento dada pelo Banco Central e pela Comissão de Valores Mobiliários, além de ser membro ativo de alguma das nove bolsas brasileiras (BOVESPA; BOVMESB – Minas Gerais, Espírito Santo, Brasília; BVBSA – Bahia, Sergipe, Alagoas; BVES-Bolsa de Valores do Extremo Sul; BOVPP-Bolsa de Valores de Pernambuco e Paraíba; BVPR-Bolsa de Valores do Paraná e Bolsa de Valores Regional-CE, RN, PI, MA, PA, AM; BVST-Santos; BVRJ-Rio de Janeiro),

· alto padrão de serviço, aliado à competência e ética e que atenda às necessidades do investidor.

As Corretoras da BOVESPA possuem todas essas características e ainda contam com a retaguarda da maior Bolsa de Valores da América Latina.

Os intermediários financeiros - corretoras, bancos múltiplos, de investimento, distribuidoras, e outros -que atuam nos mercados primário e secundário de ações precisam obter autorização para operar junto à CVM e/ou junto ao Banco Central. Estas duas instituições podem, portanto, prestar informações legais acerca do intermediário.

Outra fonte de informações encontra-se nas associações de classe desses intermediários:

· Associação Nacional dos Bancos de Investimento- ANBID
· Associação Nacional das Corretoras de Valores, Câmbio e Mercadorias-ANCOR
· Associação das Empresas Distribuidoras de Valores - ADEVAL
Essas associações divulgam periódicos que sistematizam informações sobre seus associados e o mercado em geral.



 
Referência: Financenter.com.br
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Consumidor"Não aceitamos cheque e cartão de crédito": essa ação dos lojistas é permitida?
Carreira / EmpregoCometeu um erro grave no trabalho? Veja como recuperar a autoconfiança!
UtilidadesSites de concursos públicos
AposentadoriaPrevidência Privada : Como implantar um Plano Coletivo?
Carreira / EmpregoCriatividade não é um dom pessoal! Veja o que fazer na falta de inspiração
Investimentos / FundosRF: Risco do investimento em renda fixa aumenta com o prazo de aplicação
Modelos de documentosComercial - Antecipação de Garantia de Crédito
Economizar / PouparÁgua: será que você realmente sabe economizar água?
Carreira / EmpregoMarketing pessoal – Construindo sua marca
Carro / VeículoVai comprar carro diretamente do proprietário? Veja os cuidados a tomar