Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Você está em:   IGF Modelos de documentos Petição Trabalhista Reclamação trabalhista de telefonista

Petição - Trabalhista - Reclamação trabalhista de telefonista


 Total de: 15.244 modelos.

 

RECLAMAÇÃO TRABALHISTA - DESVIO DE FUNÇÃO - TELEFONISTA - HORA EXTRA - FGTS

EXCELENTÍSSIMO SENHOR DOUTOR JUIZ DA ____ª DA VARA DO TRABALHO DE ___________-____

RECLAMATÓRIA TRABALHISTA

contra (nome, qualificação e endereço) pelos motivos fáticos a seguir aduzidos:

DO CONTRATO DE TRABALHO

A autora foi admitida em __/__/___ na empresa reclamada para exercer a função de auxiliar de escritório, entretanto, desde o início da contratualidade laborou na função de telefonista, sendo posteriormente transferida para a função que constava na sua CTPS.

A reclamante continua laborando para a referida empresa.

DA REMUNERAÇÃO

A autora atualmente recebe a remuneração de R$ ___________, no entanto na sua CTPS recebe o valor de R$ __________.

Tal atitude do empregador reflete a sua total má-fé, pois, causa enormes prejuízos a autora, não procedendo ao recolhimento do FGTS e INSS devidos sobre a diferença.

Reflete-se também esta diferença salarial sobre o 13º salário, férias, repousos semanais remunerados, aviso prévio, verbas rescisórias, FGTS e demais verbas pleiteadas nesta ação.

Tais assertivas serão comprovadas com provas testemunhais.

Assim sendo, deve ser condenada a reclamada ao pagamento de todas as verbas apontadas, em decorrência da sua má-fé.

DA JORNADA DE TRABALHO

A jornada de trabalho da autora, desde a admissão é de segunda à sexta-feira das ____ hs até as ____ hs, com intervalo de 1 hora para as refeições, aos sábados até o mês de _____ a autora trabalhou em todos os sábados por mês, no seguinte horário, das ___ hs às ____ hs.

Após o mês de ______ a reclamante ficou por 6 meses sem trabalhar aos sábados e novamente no mês de ____ laborou aos sábados.

Cumpre mencionar que algumas das horas extras referidas anteriormente, foram efetivamente pagas pela empresa reclamada, o que está comprovado pelos demonstrativos de pagamento em anexo.

Porém, outras tantas não o foram, razão pela qual tem a autora o direito de receber todas as demais horas extras trabalhadas, durante os períodos trabalhados.

A CLT, possui um artigo e parágrafos, que aplicam-se perfeitamente ao caso em tela, uma vez que a reclamante desempenhou a função de telefonista na empresa reclamada, senão vejamos:

"Art. 227. Nas empresas que explorem o serviço de telefonia, telegrafia ou sub-fluvial, de radiotelegrafia ou de radiotelefonia, fica estabelecida, para os respectivos operadores a duração máxima de 06 (seis) horas contínuas de trabalho por dia ou 36 (trinta e seis) horas semanais."

Pela habitualidade das horas extras, deverão refletir em repousos semanais remunerados, 13º salários, férias, aviso prévio, verbas rescisórias, FGTS e demais verbas pleiteadas nesta ação.

DO FUNDO DE GARANTIA

A empresa-reclamada, embora obrigada, nunca depositou, até o dia __ de cada mês, em conta vinculada da reclamante.

Desta feita, deverá ser condenada a reclamada, ao pagamento do FGTS em 11,2% (onze vírgula dois por cento) em favor da reclamante, percentual este, aplicado sobre todas as verbas pleiteadas nesta ação.

Diante do exposto, requer:

a) O pagamento das diferenças a título de FGTS e INSS, sobre o salário efetivamente pago (R$ _______) e o que consta nos holerites (R$ _____), conforme fundamentação;

b) O pagamento das horas extras, assim entendidas as excedentes da 36ª semanal (de acordo com o art. 227 da CLT), no percentual de 50%;

c) O pagamento do FGTS no percentual de 11,2% (onze vírgula dois por cento), sobre todas as verbas pleiteadas nesta ação, conforme fundamentação.

d) Que Vossa Excelência, receba a presente, determinando a notificação da ré no endereço indicado para, se quiser, contestar, sob pena de revelia.

e) O depoimento pessoal do representante legal da reclamada, sob pena de confissão quanto a matéria fática.

f) O pagamento de correção monetária na forma da lei, bem como pagamento de juros, de mora, 1% ao mês capitalizados, sobre o total da dívida corrigido monetariamente.

g) O pagamento em dobro das verbas incontroversas, se não pagas em audiência, mais honorários advocatícios, de acordo com o art. 133 da CF/88, combinado com o art. 20 do CPC e 769 da CLT.

h) A liquidação por simples cálculo.

i) A condenação da ré na forma do pedido, bem como, nas custas processuais.

j) A produção de todas provas em direito admitidas, em especial o depoimento pessoal do representante legal da Reclamada, bem como a oitiva de testemunhas;

k) Que ao final seja julgada INTEIRAMENTE PROCEDENTE a presente reclamação, com a condenação da Reclamada no principal, acrescido da correção monetária e juros legais;

Dá-se como valor da causa a quantia de R$ ______.

N. T.

P. e. Deferimento.

__________, __ de ____ de 200_.

____________

OAB/UF nº ____


Veja mais modelos de documentos de: Petição - Trabalhista
Contestação à reclamatória trabalhista, em que o reclamado concorda em anotar na CTPS do reclaman
Reclamatória trabalhista pleiteando-se: anotação em CTPS, pagamento de horas extras, etc
Defesa à ação rescisória proposta por violação de literal dispositivo de lei
Requer adicional de transferência
A reclamante impugna a contestação, alegando a unilateralidade dos documentos juntados aos autos
Reclamatória trabalhista por falência da reclamada
Interposição de embargos à arrematação, com pedido de remição do bem
Reclamatória trabalhista, em que se pleiteia a reintegração de bancária, em face de dispensa dura
Ação de indenização por dano material e moral trabalhista
Cobrança de contribuições sindiciais devidas pela empresa
Interposição de reclamatória trabalhista por parte de demissão sem justa causa de gerente executi
Impugnação à contestação, em ação de indenização proposta por representante comercial, alegando-s