Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Ações / Bolsa de Valores - Quanto custa aplicar em ações ? 

Data: 30/05/2007

 
 

Quando você realiza uma operação de compra ou de venda de ações, você incorre nos seguintes custos: corretagem, emolumentos e custódia das ações.


Corretagem: É um percentual cobrado sobre o volume financeiro da operação de compra e de venda de ações. Desde de setembro de 1999, foi extinta a tabela de corretagem nas compras e vendas de ações. Houve um aumento natural da concorrência, pois a partir de então, não existe um preço mínimo para a cobrança. Mas, como a taxa de corretagem é a única forma de remuneração que as corretoras possuem, é ainda muito comum se deparar com uma tabela de corretagem padrão. Esta tabela apresenta valores escalonados de acordo com o volume financeiro negociado pelo investidor mais a cobrança de um valor fixo. Veja a tabela abaixo.

Emolumentos: É uma taxa fixa cobrada pela Bolsa de Valores de São Paulo para cada tipo de operação ou produto. A taxa cobrada para negociação de ações no mercado à vista é de 0,035% do volume financeiro.

Custódia: A custódia é um serviço que as bolsas e as corretoras de valores prestam a seus clientes e que consiste na guarda das ações. Hoje em dia, a grande maioria das ações negociadas é escritural, ou seja, registrada e custodiada sem a emissão das cautelas. Uma das vantagens da custódia escritural é a atualização dos direitas das ações ( bonificações, dividendos e subscrição ), eliminando qualquer trabalho dessa natureza para o investidor. Este serviço é cobrado pela instituição custodiante à corretora, que, por sua vez, repassa ao investidor, além da taxa de corretagem. O valor de mercado é de aproximadamente R$ 10,00 por mês, independente do volume financeiro.

Fique atento aos valores cobrados pelas corretoras, pois a grande maioria utiliza a tabela padrão abaixo, e algumas ainda dizem que são preços especiais ou promocionais. Algumas corretoras não cobram taxa de corretagem ou se cobram, usam um valor fixo independente do volume negociado. Outras, utilizam a cobrança de taxas fixas para qualquer valor, portanto, não deixe de fazer contas antes de começar suas operações. Veja a nossa avaliação de todas as corretoras do mercado na seção ranking.



Atenção

No mercado financeiro os ativos e contratos possuem lote padrão de negociação (quantidade determinada pela Bolsa) e negócios com lotes fracionários, cujos preços e liquidez são diferenciados em relação aos dos lotes, além do que em determinados segmentos de mercado não é possível operar no fracionário.

Portanto antes de iniciar qualquer operação certifique-se das características do segmento ou mercado que for atuar e procure negociar em múltiplos de lote padrão para que sua ordem possa ser executada e seu preço fique o mais próximo possível da realidade. Na Bovespa, temos papéis que são cotados unitariamente e outros por lote de mil ações.

Observe os exemplos:

1- Cotação por Lote de Mil:

Operação: Compra de R$ 20.000,00 em ações de Eletrobrás PNB
Preço por Lote de 1.000 ações: R$ 33,00
Qtd. de Ações Necessárias: R$ 20.000,00 / R$ 33,00 * 1.000 = 606.060,61 ações
Procedimento: aconselhamos a compra de 600.000 ações, pois o lote padrão é de 10.000 ações, resultando em um valor financeiro bruto de R$ 19.800,00.

Financeiro:

Valor bruto: R$ 19.800,00 (débito)
Corretagem: 0,5% * R$ 19.800,00 + R$ 25,21 = R$ 124,21 (débito)
Emolumentos: 0,035% * R$ 19.800,00 = R$ 6,93 (débito)
VALOR LIQUIDO DA OPERAÇÃO: R$ 19.931,14 (débito)

2- Cotação Unitária

Operação: Compra de R$ 20.000,00 em ações de Vale do Rio Doce PNA
Preço por ação: R$ 20,25
Qtd de Ações Necessárias: R$ 20.000,00 / R$ 20,25 = 987,65 ações
Procedimento: aconselhamos a compra de 1.000 ações, pois o lote padrão de Vale PNA é de 100 ações. Isto resultará em um valor financeiro bruto de R$ 20.250,00 .

Financeiro:

Valor bruto: R$ 20.250,00 (débito)
Corretagem: R$ 126,46 (débito)
Emolumentos: R$ 7,09 (débito)
VALOR LIQUIDO DA OPERAÇÃO: R$ 20.383,55 (débito)

Veja abaixo a tabela de corretagem e emolumentos padrão cobrada pelo mercado.

Valor Negociado Taxa de Corretagem Custo Fixo
Até R$ 135,06  0,0% +  R$ 2,70 
De R$ 135,07 Até R$ 498,62   2,0% +  R$ 0,00 
De R$ 498,63 Até R$ 1.514,69  1,5% +   R$ 2,49 
De R$ 1.514,70 Até R$ 3.029,38  1,0% +  R$ 10,06 
Acima de R$ 3.029,39  0,5% +  R$ 25,21 


 
Referência: Financenter.com.br
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Ações / Bolsa de ValoresInteressado em investir em ações? Veja primeiro por onde começar
Dívidas / Endividado ?Novo sistema econômico: você sabe o que é o Green Economy?
MotivaçãoMais verdades sobre motivação
Carreira / EmpregoMito ou verdade: nome da universidade pesa no currículo?
ImóveisAlvenaria com função estrutural ou apenas como agente de vedação
13° salárioRecebimento da 2ª parcela do 13º salário é bom momento para quitar dívidas
Modelos de documentosContrato - Particular de Empréstimo de Dinheiro com Garantia - Hipoteca
Ações / Bolsa de ValoresQual a diferença entre ações ON e PN para o pequeno investidor?
Ações / Bolsa de ValoresSaiba como começar a investir em ações
Impostos / TributosImposto de renda (IR): Contribuinte divorciado que tenha se casado novamente