Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Seguros - Saiba o que observar antes de contratar um seguro residencial 

Data: 04/04/2011

 
 

Apesar de ainda não ter a mesma popularidade do seguro de automóvel, o seguro residencial cada vez mais tem atraído os consumidores.

Dentre os motivos da procura, segundo o coordenador de ramos elementares da Porto Seguro, Marcelo Santana, estão os preços baixos, se comparado aos do seguro de automóvel, e o fato de este tipo de seguro trazer tranquilidade à família.

“Na maior parte das seguradoras, os valores dos prêmios variam conforme as coberturas agregadas à apólice, à localização do imóvel, ao valor da importância segurada, entre outros fatores. Contudo, é certo que, na maioria das vezes o valor anual é mais baixo do que o pago no seguro de automóvel, por exemplo”, explica.

Como escolher?
Ainda de acordo com Santana, ao contratar um seguro residencial, o consumidor deve saber que a cobertura contra incêndio, explosão e fumaça é obrigatória. Ou seja, ela é básica e todas as seguradoras devem oferecer.

A partir daí, as coberturas adicionais a serem agregadas à apólice vai depender da necessidade do imóvel, por isso, é importante observar bem antes de assinar o contrato.

Em uma casa térrea, por exemplo, é interessante que o proprietário contrate proteções contra roubo, vendaval e danos elétricos. Além disso, a cobertura contra impacto de carro pode ser interessante para quem mora em ruas movimentadas.

Já em um apartamento, a cobertura contra vendaval, indicada para as casas térreas, pode não fazer sentido, já que este tipo de imóvel não corre risco de destelhamento. Por outro lado, quem mora em prédio deve contratar uma cobertura de responsabilidade civil, cujo objetivo é proteger contra danos a terceiros, evitando, assim, gastos desnecessários, no caso de um eventual cano estourado acabar impactando o apartamento do vizinho.

Além das coberturas, informa ele, é comum as seguradoras oferecerem assistência 24 horas para danos emergenciais, nos quais somente a mão obra é assegurada.

Contrato
Independentemente do tipo de imóvel, antes de fechar o contrato com uma seguradora, o consumidor deve observar bem as necessidades de sua propriedade, evitando assim, como já dito, a contratação de coberturas desnecessárias.

Por fim, ao assinar o contrato, certifique-se de ter respondido os questionários corretamente e preste atenção se os riscos, coberturas contratadas e importâncias estão devidamente discriminados, bem como assegure-se de que todas as exclusões constam no documento.



 
Referência: InfoMoney
Autor: Gladys Ferraz Magalhães
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Negócios / EmpreendedorismoBoa política de trocas ajuda a cativar clientes
Plano de NegóciosPlano de Negócios para Incubadoras: A Experiência da Rede Paulista de Incubadoras de Empresas
MotivaçãoPalavras e atitudes que detonam a motivação e o clima
Dívidas / Endividado ?Passo a passo, como limpar o seu nome
Currículo (curriculum)Veja como montar uma carta de apresentação em quatro parágrafos
Análise técnica (ações)Análise técnica: cruzamento de médias móveis ainda é uma estratégia lucrativa?
Carreira / EmpregoO que fazer contra o Assédio Moral no ambiente corporativo?
Modelos de documentosTermo de rescisão do contrato de trabalho
LeisNovo Código Civil ? Lei nº 10.406 de 10/1/2002 (Parte Especial) »»» Livro I - Do Direito Das Obrigações »»» Título VII - Dos Atos Unilaterais
Dívidas / Endividado ?Natal sem dívidas? Mais do que um sonho, um objetivo!