Clique aqui para ir para a página inicial
 

Pular Links de Navegação
»
Home
Contato
Calculadoras
Consultoria
Conteúdo
Cotações
Perfil/Testes
Serviços
Parceiros
Mapa site
[HyperLink1]
Cadastrar
 
    
Assuntos

Total de artigos: 11132
    

 

 

Carro / Veículo - Carros: confira os mitos e as verdades sobre os amortecedores 

Data: 05/03/2011

 
 
Que os amortecedores são itens importantes para a segurança e para o conforto de motoristas e passageiros, é fato. Mas nem tudo o que se diz sobre os equipamentos deve ser levado em consideração.

São muitos os mitos que foram criados em torno da performance dos amortecedores. Passar por lombadas na diagonal, a durabilidade de 40 mil quilômetros ou a afirmação de que amortecedores recondicionados têm a mesma eficiência de uma peça nova são alguns deles.

Por outro lado, dentre tantas afirmações sobre os equipamentos, algumas são verdadeiras e devem ser levadas em conta. Quem nunca ouviu falar que amortecedores desgastados aumentam o cansaço dos motoristas? Isso não é mito.

Os mitos
Mais que saber o que é verdade e o que é falso, quando se trata de segurança, é preciso entender os motivos. A Monroe, empresa de desenvolvimento e fabricação de amortecedores, explica alguns mitos e verdades dos equipamentos.

Por que passar por lombadas e valetas na diagonal não ajuda a preservar os amortecedores e a suspensão, como pensam muitos motoristas? Porque isso faz com que os componentes da suspensão e do amortecedor façam força do mesmo jeito, e até mais, porque, forçando pela lateral, a movimentação gera uma folga excessiva, ruídos, empenamentos e até mesmo o travamento total desses componentes. É melhor ir pela frente mesmo.

Os amortecedores não duram 40 mil quilômetros. Na verdade, segundo a Monroe, esse é o prazo médio indicado para a verificação do equipamento e esse período pode variar de acordo com as condições de uso do carro.

Equipamentos recondicionados não possuem a mesma eficiência de uma peça nova, por isso, cuidado. Muitas vezes, essas peças recondicionados recebem apenas uma pintura externa. O ideal é mesmo optar por marcas reconhecida e desconfiar de preços muito baixos.

As verdades
Mas nem tudo é irreal, quando se trata de amortecedores. Ao contrário do que muita gente pensa, é preciso trocar os amortecedores aos pares, ainda que apenas um esteja desgastado. Se apenas uma peça for trocada, o outro amortecedor pode ter menos eficiência, devido ao maior tempo de uso.

Amortecedores desgastados aumentam, sim, a distância de frenagem do veículo. Testes feitos pela Monroe mostram que amortecedores com 50% de desgaste aumentam a distância de frenagem em até 2,6 metros a uma velocidade de 80 quilômetros/hora.

E cuidado: amortecedores ineficientes aumentam o cansaço do motorista. Um amortecedor com 50% de desgaste aumenta em 26% o cansaço do motorista, devido aos balanços e trepidações excessivas, tornando as manobras mais difíceis.

Amortecedores desgastados também aumentam o risco de aquaplanagem. Isso acontece porque, nesse caso, os equipamentos não garantem o contato permanente entre o pneu e o solo. Um amortecedor com 50% de desgaste começa a aquaplanar a uma velocidade de 109 km/h, enquanto um automóvel com amortecedores novos aquaplana após 125 km/h.

Além disso, amortecedores desgastados atrapalham a visibilidade do motorista que trafega no sentido oposto ao seu, pois o balanço excessivo do carro produz oscilações no feixe de luz dos faróis do seu carro.


 
Referência: InfoMoney
Autor: Camila F. de Mendonça
Aprenda mais !!!
Abaixo colocamos mais algumas dicas :

Assunto:Perguntas:
Carreira / EmpregoDerrubando paredes!
ImóveisQuem comprar imóvel em loteamento fechado terá de pagar contribuição
VendasTécnicas de venda ao governo
Carreira / EmpregoNão consegue entregar suas atividades no prazo? Confira qual pode ser o problema!
Finanças pessoaisFérias sem desperdício: planejamento é o segredo para viagens tranquilas
Ações / Bolsa de ValoresConfira dicas para fugir da armadilha de comprar ações na alta e vendê-las na baixa
Ações / Bolsa de ValoresDividend yield e dividend payout: Conheça as diferenças entre os indicadores
CambioProfissionais devem desenvolver assertividade para alcançar o sucesso
Carreira / EmpregoO que disponibilizar na web para não perder oportunidade de emprego
Carreira / EmpregoAvaliação de Desempenho - Uma abordagem atual